A130

Como preparar o nosso filho de 10 meses para uma viagem de avião?

As crianças de todas as idades, incluindo os bebés, podem viajar de avião. Sabia? Tome nota dos nossos conselhos para tornar tudo mais fácil e agradável para todos. E verá como é mais simples do que pensa!

Basta apenas juntar as palavras "avião" e "bebé" na mesma frase para gerar ansiedade, mas viajar com crianças é uma experiência maravilhosa! Não há necessidade de se privar dela, nem agora nem nunca. Pode viajar com o seu bebé logo desde o momento em que nasce, embora seja mais prudente fazê-lo a partir das duas semanas de vida ou esperar até que o bebê faça um mês.

Claro que a primeira coisa que deve fazer quando comprar os bilhetes é informar a companhia aérea de que vai viajar com uma criança menor de dois anos. As crianças com menos de dois anos de idade não pagam passagem aérea e, portanto, não têm direito a assento, mas pagam seguros de viagem e têm o seu próprio cartão de embarque. Viajam no colo do adulto, com um cinto de segurança especial que é anexado ao do pai ou ao da mãe.

 

E o carrinho?

De um modo geral, pode levá-lo até à porta do avião e a partir daí o pessoal da companhia aérea encarrega-se de o transferir para o porão e entregá-lo na porta após a aterragem. Outra opção é despachá-lo com o resto da bagagem.

Pressão negativa no ouvido

As crianças de todas as idades (e quase todos os adultos) sentem uma pressão negativa no ouvido médio, devido à alteração da pressão atmosférica durante as descolagens e aterragens. Idealmente, para minimizar o desconforto, os bebés deveriam mamar ou tomar o biberão, durante a descolagem e a aterragem, uma vez que o ato de chuchar e engolir ajuda a compensar a mudança de pressão. Se o seu bebé não quiser leite nessas alturas, incentive-o a chuchar na chupeta ou até mesmo no seu dedo!

 

Também a aconselhamos a levar consigo a bordo gotas orais de paracetamol e se notar que o seu bebé está muito inquieto durante a descolagem, dê-lhe uma dose uma hora antes da aterragem.

 

Dicas para facilitar a viagem do bebé no avião:

 

  • Acima de tudo, não fique nervosa, porque o bebé sente-o.
  • Para viajar mais confortavelmente e com mais espaço, quando ligar para dizer que vai viajar com um bebé, peça antecipadamente os lugares da primeira fila.
  • Tente viajar de noite, porque assim o bebé irá a dormir durante a maior parte da viagem.
  • Leve tudo o que possa precisar para um período de 12 a 24 horas, para o caso de a sua bagagem se perder ou atrasar: fraldas, mudas de roupa, comida, gel antibacteriano...
  • Leve também consigo os alimentos e as bebidas favoritas do seu filho*: a fome e a sede deixam os bebés mais irritáveis (e, por consequência, os seus pais), especialmente se estiverem cansados.
  • Leve para o avião alguns brinquedos que lhe sejam familiares (e o seu favorito). Tente que sejam “daqueles que não fazem barulho” e que se podem “perder”, assim se acabarem por rolarem pelo chão do avião, a perda não será desastrosa.
  • Leve uma muda de roupa extra, para si e para o seu bebé, para o caso de se sujarem.
  • Hidrate-o bem, porque o ar do avião é muito seco e, de caminho, evita que fique com os ouvidos tapados.

 

*As restrições de líquidos não afetam as pessoas que viajam com bebés. Pode-se levar leite para bebé, de fórmula ou em pó, sumos ou papa e, nos casos em que seja necessário, também se pode levar produtos dietéticos, medicamentos (líquido, gel ou aerossol), insulina e outros medicamentos necessários em quantidade suficiente para a viagem. Em todo o caso, é sempre aconselhável contactar a companhia aérea com antecedência. 

Gostou deste artigo? Faça ‘Gosto’ ou deixe-nos um comentário. Esperamos ter podido ajudá-la e incentivamo-la a viajar pelo mundo ou a ir visitar a família de avião com o seu bebé.

Pode interessar-te: