Há algum problema em deixar o meu filho dormir com uma luz acesa?

Conteúdos
verificados por:

Partnership logo

Há algum problema em deixar o meu filho dormir com uma luz acesa?

Muitas crianças entre os 3 e os 6 anos atravessam fases de "medo do escuro". Monstros no interior do armário ou os ursos debaixo da cama, só podem aparecer no escuro. Por isso, manter uma luz acesa dá-lhe uma sensação de segurança. Se tirar simplesmente a importância dos medos no do seu filho dizendo-lhe que os monstros não existem, você não está a considerar o problema em toda a sua magnitude. Os medos são reais, ainda que as criaturas não o sejam. A luz de presença pode dar origem a sombras que são tão assustadoras como a escuridão, por isso a luz mais difusa do candeeiro pode tranquilizá-lo mais sem o prejudicar, até que seja mais velho.Penso que a fonte do seu receio pode ter como origem um estudo da revista Science que pretendia demonstrar existir uma relação entre luzes nocturnas e o aparecimento de miopia numa fase mais tardia da infância. Este foi apenas um estudo. Muitas teorias sucumbiram a investigações posteriores. No entanto, estes estudos negativos raramente obtêm a grande divulgação que os estudos preliminares mais sensacionalistas recebem da parte dos media. Daí que, o aviso mais importante seja não aceitar já isto como sendo um risco comprovado.No entanto, para além disto, acho que temos um assunto mais importante a tratar: a criança sentir-se segura e livre de riscos, como também ter um certo controlo sobre o seu meio ambiente são mais críticos a longo prazo do que a remota possibilidade de que isto talvez contribua para a necessidade de usar óculos. Tranquilize o seu filho dizendo-lhe que jamais deixará que algo de mal lhe aconteça, mas deixe-o ficar com a luz acesa se ele necessitar. Para que ele perca o hábito de dormir com a luz acesa pode utilizar um candeeiro com regulador de intensidade e ir diminuindo progressivamente a luz até que finalmente ele tolere dormir às escuras.

Pode interessar-te: