Como escolher um pediatra

Conteúdos
verificados por:

Partnership logo

Como escolher um pediatra

O conselho de outros pais. O ambiente da consulta do médico. Horas de consulta de acordo com o seu horário de trabalho. Instinto. São tudo coisas importantes a ter em conta aquando da escolha de um pediatra. O pediatra do seu filho é seu colaborador na promoção da saúde e do desenvolvimento do seu filho. Isto significa que deverá sentir-se à vontade com a sua escolha. A melhor forma de escolher esse colaborador é conhecer vários pediatras nas consultas. Quando começar? Enquanto ainda está grávida. Com toda a excitação e mudanças físicas que se verificam durante a gravidez, é fácil esquecer o facto de que está prestes a ser mãe! No último trimestre da gravidez, o bebé cresce rapidamente e você tem muito em que pensar. Mas, sentir-se à vontade com a pessoa que escolheu para médico do seu bebé é tão importante como escolher um berço seguro.

Começar a Procurar
Pouco depois das 30 semanas de gravidez, marque uma consulta para si e para o seu companheiro, com um ou vários pediatras nos consultórios. Assegure-se de que o médico tem a especialidade em pediatria. Para obter uma lista de possíveis candidatos, consulte o seu Centro de Saúde e, caso tenha feito um contrato com uma companhia de seguros, o livro de especialidades desta. Pergunte também aos seus pais ou a amigos de confiança. Pergunte-lhes porque gostam ou não de um determinado médico - as razões deles podem não ser iguais às suas.

A Entrevista
Pode descobrir muito sobre um médico durante esta consulta pediátrica pré-natal. Deve ser uma pessoa que lhe inspire confiança para discutir qualquer tipo de assunto relativo ao seu filho ou à sua família. Cada consulta deverá ter a duração de 15 ou 20 minutos. Não é bom sinal se um médico não a quiser receber ? simplesmente, risque-o da lista! Alguns factores que influenciarão a sua decisão poderão basear-se simplesmente em impressões, personalidade e instinto. Provavelmente quererá:

- Prestar atenção ao ambiente do consultório. A sala de espera está limpa e iluminada? Ã alegre? Ã tranquila e segura?

- Formar uma ideia acerca de se os funcionários do consultório gostam de trabalhar com crianças.

- Observar o interesse do pediatra por si e pelas suas expectativas quanto ao seu filho.

- Verificar se o estilo e a personalidade do médico se adaptam aos seus.
Estes são alguns temas gerais que pode tratar com os pediatras em caso de emergência:

- A disponibilidade do médico ou da equipa médica em caso de emergência.

- Se os horários de consulta se ajustam ao seu horário.

- Como apoiariam as suas decisões acerca de como alimentar o seu bebé.

- O que pensam acerca dos seus planos quanto à forma de cuidar do bebé.

- Os seus interesses médicos especiais ou os seus conhecimentos especializados sobre saúde e desenvolvimento infantil.

Estas são algumas perguntas específicas que pode colocar:

- Qual é o horário da sua consulta?

- Quem devemos contactar ou a onde nos devemos dirigir em caso de emergência fora do horário da consulta?

- Quando poderei contactá-lo ou à sua enfermeira por telefone?

- O que deverei fazer em caso de emergência quando o médico não está disponível?

- Poderei ligar para colocar questões que não
necessitem de uma consulta? Cobra por esse "tempo telefónico"?

- Quanto tempo dedica às consultas? (Uma boa resposta seria 15 minutos ou mais.)

- Em que hospitais trabalha? Ã associado de alguma organização de prestação de cuidados de saúde?

- Apoia a amamentação materna?

- Quando devo trazer o bebé à primeira consulta? (Uma boa resposta seria dentro das primeiras 2 semanas, e dentro da primeira semana se a sua permanência no hospital após o parto foi inferior a 48-72 horas).

- Como pode ajudar-me a entender o desenvolvimento do meu filho?

- Se o nosso filho tiver problemas de comportamento que não conseguimos controlar, estará disposto a ajudar-nos com eles?

- Qual é o seu conselho sobre o trabalho e o cuidado dos filhos?

- Acompanha os programas de cuidados de saúde para crianças da sua comunidade?

Mudança a Tempo
Se o sistema de saúde da sua comunidade ou a própria maternidade já lhe atribuíram um pediatra, ainda não é demasiado tarde para certificar-se de que é a escolha correcta para si. Vá à primeira consulta e entre em contacto com ele. Se já levou o seu bebé a um pediatra com o qual não se muito à vontade, não é tarde demais para mudar. Mesmo que o seu centro de saúde tenha uma lista de médicos por onde deverá escolher, essa lista é provavelmente bastante longa. Pergunte ao pessoal administrativo correspondente quais são os passos para encontrar um pediatra que se ajuste às suas necessidades, ao seu horário e ao seu estilo. Uma vez que inicie uma relação agradável com o pediatra, sentir-se-á mais relaxada e terá mais confiança relativamente ao cuidado dos seus filhos durante toda a vida.

* Artigo realizado pelo Dr. Peter A.Gorski

Pode interessar-te:

Toalhitas

Toalhitas Dodot Sensitive

Especialmente desenhada para peles sensíveis