O seu bebé já tem 26 meses

Conteúdos
verificados por:

Partnership logo

O seu bebé já tem 26 meses

Bebé

O seu bebé já tem 26 meses

Comunicação

Vamos viver novas aventuras. Que história lemos hoje?

OS MEMBROS DA FAMÍLIA PODEM PROMOVER O AMOR E ESTIMULAR A LEITURA com atividades que desenvolvem estas capacidades e interesses. Quer algumas sugestões para desfrutarem da leitura juntos?

O idioma dos bebés.

A maior parte dos pais utiliza o idioma dos bebés. Isso pode impedir que a criança aprenda a falar como um adulto? Não parece ser o caso.

Toda a gente fala o idioma dos bebés quando se dirige a um deles e o bebé aprende que essas palavras melódicas e em tom agudo são especiais para ele. Embora isso deva mudar a partir de determinado momento. Seria como dizer ao bebé: "Sinto-me orgulhoso por estares a crescer e a querer falar".

Dificuldades na comunicação.

Se o vosso rebento tentar comunicar mas não conseguir, já que só diz uma ou duas palavras incompreensíveis, talvez seja necessário fazer um exame auditivo.

Se, efetivamente, tiver um problema de audição, o diagnóstico precoce e o trabalho com um especialista, como um terapeuta da fala, poupar-vos-ão muita frustração, tanto a vocês como ao vosso filho.

Não repreendam o vosso filho se ele gaguejar. Nesta idade, gaguejar quer dizer simplesmente que os seus pensamentos são mais rápidos do que a sua boca. No entanto, se, na idade escolar, continuar a gaguejar ou apresentar problemas de linguagem, é provável que necessite de ajuda profissional por parte de um terapeuta da fala.

O que fazer se disser palavrões.

Se o vosso filho ouvir uma asneira ou alguma "palavra imprópria" e a repetir, o aconselhável é não lhe prestar atenção. Qualquer coisa que façam poderia incentivar essa conduta e isto inclui a frase "Isso não se diz".

Mesmo que seja difícil ouvir esse tipo de palavras da boca do vosso anjinho, se não fizerem nada a esse respeito, é provável que se esqueça do incidente.

Nunca dêem ao vosso filho a possibilidade de escolher quando realmente ela não existir. Por exemplo, não lhe perguntem "Queres ir para a cama agora?". É melhor tentarem dizer-lhe: "Está na hora de te ires deitar. Queres vestir o pijama vermelho ou o azul?" enquanto lhe mostram os dois. Dêem-lhe opções reais quando for possível mas não quando a vossa intenção for outra. Se, na realidade, não existir uma alternativa, estarão a criar confusão, frustração e uma luta de poder.

As primeiras frases.

Tal como acontece com a linguagem gestual, a idade em que uma criança começa a formar frases varia bastante. Algumas crianças de dois anos usam verbos e, inclusive, alguns adjetivos e advérbios nas suas frases.

Nesta idade, o desafio consiste em interligar palavras. "Vamos loja". "Lindo vestido". "Eu quero isso, é bonito". Qual é a frase mais comprida que o vosso filho disse até hoje? À medida que for crescendo, as suas orações tornar-se-ão mais longas. Ler histórias aumenta as capacidades linguísticas do bebé. Não se surpreendam se ele "ler" convosco, pois consegue memorizar as histórias que lhe são conhecidas. Peçam-lhe para narrar acontecimentos da sua vida; ajudem-no a preencher os vazios e a fazer pausas. Conseguir com que associe ideias é muito importante agora. E conversar sobre situações do passado e do futuro será o próximo passo.

Relações sociais.

Embora esta etapa seja importante na vida do vosso filho para que comece a estabelecer relações sociais, também você deve comunicar com outros adultos.

É a forma ideal do seu filho e você conhecerem novas pessoas. Estudos recentes confirmam que as crianças beneficiam do círculo social dos seus pais. Por isso, para seu próprio benefício e do seu rebento, não perca o contacto com as suas amizades.

Quanto mais falar com o seu filho, mais sociável ele será. E, quanto mais perguntas fizer ao seu rebento, melhores serão as suas capacidades linguísticas. Responda ao que ele lhe disser, em vez de se dedicar a corrigir a sua gramática ou a forma como diz as coisas. Deste modo, ele sentirá mais interesse em falar. E nunca faça troça da sua linguagem. Evite dar-lhe ordens diretas o tempo todo, já que estas não motivarão respostas verbais da sua parte.

Façam uma colagem.

Um projeto artístico que vos fará regressar à infância. Procurem revistas velhas que tenham lá por casa, peguem em cola e numa tesoura própria para crianças, cortem um bocado de cartão de uma embalagem vazia de cereais? e toca a começar!

Pode interessar-te: