Também se deve ter em conta a idade, a gravidade e a percepção do problema por parte da criança (indiferença, culpa, preocupação...) e dos seus familiares para avaliar a interferência que este problema gera na sua vida.

O médico fará o historial clínico, que o ajudará a diagnosticar o tipo de enurese e orientá-lo-á sobre a conveniência do tratamento a seguir.

INFORMAÇÃO REUNIDA PELO MÃDICO:

  • Idade da criança.

  • Se apresenta algum tipo de patologia associada.

  • Se molha a roupa interior de dia.

  • Se molha a cama de noite.

  • Se a criança nunca deixou de molhar a cama.

  • Se controlou a urina de noite durante um tempo superior a 6 meses e agora volta novamente a molhar a cama

  • Com que frequência molha a cama: todas as semanas, todos os meses; e, numa noite, quantos episódios ocorrem.

  • Se, durante o dia, tem urgência para ir à casa de banho.

  • Se sente dor ao urinar.

  • Se o jacto de urina é contínuo ou intermitente.

  • Se os intestinos funcionam bem ou se sofre de obstipação.

  • A idade em que, tanto os pais como os irmãos, caso os tenha, foram continentes.

  • Se existem problemas de tensão em casa, na escola, com os amigos, etc.