O controlo dos esfíncteres implica a passagem de um comportamento reflexo automático para uma conduta controlada e voluntária.

Uma boa parte das crianças conseguem o controlo diurno entre os dois e os três anos. Entre os três e os cinco anos, a maioria das crianças adquirem o controlo nocturno.

COMO INICIAR O CONTROLO NOCTURNO

  • Depois de conseguir o controlo diurno e/ou da fralda sair seca de manhã durante uma ou duas semanas seguidas, será o momento de retirá-la todas as noites.

  • Há que iniciar a rotina de ir à casa de banho todas as noites mesmo antes de se deitar.

  • Para progredir no controlo nocturno, pode ajudar a criança ensinando-lhe a tentar controlar a urina mais algum tempo (o máximo que conseguir), assim como “jogar” a soltar e a reter o xixi várias vezes quando for à sanita.

COMO AJUDAR A CRIANÇA

  • Ã importante assegurar um ambiente relaxado, tranquilo e compreensivo.

  • Não tentar o controlo nocturno até se conseguir o controlo diurno.

  • Não pressionar nem fazer comentários negativos perante as tentativas falhadas.

  • Não esquecer que cada criança tem o seu próprio ritmo. Há que confiar no desenvolvimento da criança, estimulá-la positivamente e ensiná-la. Nunca exigir.

  • Depois de iniciado o programa de treino, é aconselhável tentar não voltar a pôr-lhe a fralda, mesmo que tenha que mudar a criança muitas vezes.

  • Conseguir bons hábitos de higiene pessoal requer, por parte dos pais, a manutenção de uma rotina, uma ordem e horários fixos que permitam à criança automatizar o hábito que pretendem conseguir e, com isso, uma maior autonomia.

  • Os pais devem mostrar-se pacientes e perseverantes, ir passo a passo e ter sentido de humor.