?
Por qué registar?
Receberá as nossas newsletters com a informação relativa ao seu momento da gravidez ou do cuidado do seu filho.
Ao identificar-se em dodot.com, oferecer-lhe-emos informação personalizada.
Poderá participar na Comunidade Dodot.
Com um único registro terá acesso a Dodot, Kandoo e Happyjama.
Identifique-se
Lo sentimos, pero en este momento estamos trabajando en mejoras de la web y no puedes identificarte.
Vuelve pronto, por favor.
¡Muchas gracias!
Lamentamos mas neste momento estamos a trabalhar para implementar melhorias na web e não podes identificar-te.
Tenta de novo em breve.
Muito obrigado!
Dodot.com
¿habla español?
Seleccione um tema:
Seleccione uma etapa:

Artigos

Consulta médica de bebé saudável: 1 mês

0 votos

Visita médica de control del primer mesA primeira consulta médica de bebé saudável do seu filho será cerca de um mês depois de o ter levado do hospital para casa. O pediatra verificará o peso e a altura do seu bebé. Além disso, dará conselhos sobre como enfrentar as doenças e preocupações menores e em que ocasiões deverá telefonar ao médico.
Você ainda está a habituar-se à vida do seu bebé, portanto, nesta primeira consulta médica tome todo o tempo que precisar. Leve o que precisa para manter o bebé agasalhado, confortável e sem fome. Não se esqueça de levar uma cópia do registo de nascimento do bebé, se o tiver, assim como o seu cartão de beneficiário. Lembre-se de inscrever também o bebé no seguro de saúde.

É provável que nesta consulta o pediatra:

• Pese e meça o seu bebé para se certificar de que está a crescer a um ritmo adequado.
• Verifique se o resto do cordão umbilical do seu bebé caiu e se o umbigo está a cicatrizar correctamente.
• Lhe pergunte se tem quaisquer preocupações relativas à saúde que note no seu bebé, tais como crosta láctea ou irritação na área da fralda.
• A ajude a familiarizar-se com o temperamento e a personalidade própria do seu bebé, bem como com o seu desenvolvimento.
• Lhe faça perguntas acerca dos padrões de sono, da alimentação e da evacuação do seu bebé ("pormenores do "chichi" e do "cocó").

O pediatra fará diversas perguntas, como por exemplo:
• O bebé foi visto por outro pediatra desde a última consulta? Em caso afirmativo, qual o motivo? Qual o resultado dessa consulta e foram prescritos quaisquer medicamentos ou tratamentos?
• O bebé mantém a cabeça para cima quando o coloca de bruços?
• Sossega, pelo menos brevemente, quando a ouve ou quando lhe pega ao colo?
• Dorme mais tempo durante alguma parte do dia ou da noite?
• Tem períodos mais longos quando está acordado?
• Segue-a com os olhos e estuda os seus olhos e a sua cara quando está perto?
• Reage à sua voz ou a outros sons?
• Dorme de costas para baixo? A cama e o quarto são apropriados?
• Observa um brinquedo móvel por cima dele?
• Está mais agitado ao fim do dia? Todos estes comportamentos são esperados nesta altura.
• Se está a amamentar, está a tomar alguns medicamentos ou suplementos?
• Existem algumas tensões ou alterações especiais em casa?

Fale do Assunto
Sem dúvida que é natural que tenha muitas outras preocupações. Agora é altura de as analisar com o pediatra. Seguem-se alguns temas comuns:

Como são os hábitos de alimentação e de sono do seu bebé? Está a ser alimentado a leite materno, que é a alimentação ideal durante os primeiros meses de vida? Como prepara os biberões? É importante que o pediatra saiba o tipo e a frequência com que o seu bebé se alimenta.

• O seu filho pode apresentar uma afecção da pele muito comum nos bebés, ou seja, crosta láctea. O pediatra pode ajudá-la a compreender o que é e como pode tratá-la.
• Fale-lhe acerca de como é que os irmãos e outros membros da família estão a adaptar-se.
• Peça ao pediatra que lhe ensine como tirar a temperatura ao bebé. Também pode pedir à enfermeira para ver enquanto o faz e para lhe dar sugestões.
• Fale acerca de como lidar com o choro e de técnicas para acalmar o bebé. O seu bebé deverá reagir ao ser pegado ao colo. Fale também acerca da utilização da chupeta.

Não se retraia!
Os pais de um recém-nascido têm sempre perguntas. Não seja tímida com o pediatra. A sua intenção é ajudar. Por exemplo, deverá mencionar ao pediatra se lhe surgiu alguma destas situações:

• As pessoas dão-lhe conselhos confusos ou que são contraditórios.
• O seu bebé não reage aos sons, especificamente à sua voz.
• O seu bebé não mexe ambas as mãos e ambos os pés da mesma forma.
• O seu bebé tem um olho inchado ou a chorar.
• O seu bebé não foca a vista na sua cara quando está acordado.
• Tem muita dificuldade em acalmar o seu bebé.
• Sente-se triste ou tem dificuldade em dormir ou comer.
• Brevemente regressará ao trabalho e não tem a certeza de como vai enfrentar isso.
• O seu bebé não fica acordado durante mais de trinta minutos de cada vez.

 

* Artigo realizado pela Dra.Suzanne Dixon
 

Partilhar

close

Adicionar os endereços à mão:

Adicionar

Vais enviá-lo a:

    O teu nome: O teu e-mail: Enviar